- O Garganta de Fogo - http://blog.karaloka.net -

O que é Urântia?

Nos últimos três dias, recebi quatro emails com a mesma indagação: mas afinal o que é, em resumo, Urântia? Que nome é esse? Bem, embora eu imagine que nos seja impossível averigüar a etimologia correta desse vocábulo — uma vez que o próprio Livro nunca faz uma referência direta a seu significado — basta saber que Urântia não é senão o nosso próprio planeta, o mesmo no qual o Filho Criador experimentou a vida na carne.

Lemos no Documento 188:

“É um fato que Urântia é conhecida entre outros planetas vizinhos habitados como ‘o mundo da cruz'”.

Para ficar um pouco mais claro, podemos ainda ressaltar estes três parágrafos do Prefácio:

“Na mente dos mortais de Urântia — sendo este o nome de vosso mundo — há grande confusão quanto ao significado de termos tais como Deus, divindade e deidade. Os seres humanos estão ainda mais atônitos e incertos acerca das relações das personalidades divinas designadas por estes numerosos apelativos. Devido a esta pobreza conceitual associada com semelhante confusão ideativa, fui exortado a formular esta declaração introdutória como explicação dos significados que devem corresponder a certos símbolos verbais que, daqui por diante, serão utilizados nestes documentos, que o corpo de reveladores da verdade de Orvonton foi autorizado a traduzir ao idioma inglês de Urântia.

(…)

“Vosso mundo, Urântia, é um dos muitos planetas habitados similares que juntos compreendem o universo local de Nebadon. Este universo, juntamente com outras criações similares, forma o supra-universo de Orvonton, desde cuja capital, Uversa, provém nossa comissão. Orvonton é um dos sete supra-universos evolucionários do tempo e do espaço que rodeiam a criação da perfeição divina que não possui nem princípio nem fim — o universo central de Havona. No coração deste universo central e eterno encontra-se a Ilha Estacionária do Paraíso, o centro ‘geográfico’ da infinidade e a morada do Deus eterno.

“Referimo-nos comumente aos sete supra-universos em evolução associados com o universo central e divino com o nome de Grande universo; estes constituem agora as criações organizadas e habitadas. Todos eles são parte do Universo mestre, que compreende também os universos do espaço exterior não habitados, mas em mobilização.”

Vale dizer que, embora aí esteja dito que Deus resida pessoalmente no centro do cosmos, o Livro também se estende interminavelmente sobre a existência, função e atuação dos Monitores Residentes, ou seja, as centelhas divinas que, em conjunto com nossa personalidade, formam nossas almas imortais. Aliás, nem preciso dizer que toda a massa de informações presente no livro — seja as que se referem à história esquecida do nosso planeta e Sistema, seja as que tratam das hierarquias celestes e da conformação do cosmos — nada vale se o principal não for apreendido: somos filhos de um Pai amoroso, que nos oferece a possibilidade de uma carreira eterna de amor, adoração, serviço, estudo e lazer. Enfim, nada que difira tanto do que sempre pregaram tantas tradições religiosas.

Posts relacionados

Comments Disabled (Open | Close)

Comments Disabled To "O que é Urântia?"

#1 Comment By Pitherman On 17/03/2007 @ 4:57 pm

O que prega o livro urânita???
fala de que ???

#2 Comment By yuri vieira On 18/03/2007 @ 4:57 pm

Visite o [1], há uma versão em português do livro. {}’s