03/11/2006

RoutHost rocks!

yuri vieira, 6:32 pm
Filed under: este blog,internet

Foi por pouco: quase caímos. Mas graças ao nosso serviço de hospedagem – Routhost.com – permanecemos todo o mês de Outubro online. Os caras nos deram mais 5Gb de banda e terminamos o dia 31/10 com uma taxa total de transferência de 44,78Gb!!! Mais alguns megas e o site teria caído, uma vez que, além de ultrapassar nosso limite de 40Gb mensais, ainda teríamos ultrapassado os 5Gb que ganhamos de lambuja.

Já falei outras vezes sobre isso aqui: não vale a pena hospedar um site no Brasil. Veja, por exemplo, a Locaweb. O plano mais barato deles oferece 500Mb de espaço e 25Gb de limite de transferência de dados (banda). “Tudo isso” por R$29,00 mensais, o que dá R$348,00 por ano. (Nem vou falar das vantagens de se ter um domínio internacional que, além de ser muito mais barato, está fora das burrocracias estatais brasileiras, essas que exigem CPF, CnPJ, digitais, uma foto 3X4 de frente e outra de perfil.) Já nosso plano na Routhost, o Silver, nos oferece 2Gb de espaço e um limite de banda de 40Gb mensais. E isso por U$49,95/ano, isto é, R$106,98!!! Será que essa diferença aproximada de R$242,00 vai toda, através de impostos, para o desgoverno brasileiro? É claro que sim!!! Os serviços de hospedagem brasileiros não têm de pagar mil tributos cada vez que compram equipamentos, cada vez que pagam contas de água/luz/telefone e cada vez que contratam um novo funcionário? É lógico que, no mundo virtual, essas empresas saem perdendo. Só alguém que não sabe serquer dizer “yes” ou “no” ainda mantém um site no Brasil. Tem de ser muito mané. Se o governo não deixar os serviços de hospedagem menos sobrecarregados de taxas, deixarão de existir logo-logo. A única ameaça possível aos serviços norte-americanos chama-se Googleputer. Mas esta, por enquanto, é apenas um sonho dos Google brothers…

Bom, este mês voltaremos à normalidade. Assim espero. Passadas as eleições, fracassado o sonho do Jucelino Nóbrega, as visitas já começam a voltar ao antigo patamar. Deste modo evitaremos o tal “paradoxo do sucesso” da internet, aquele sucesso que sobrecarrega e derruba sites. Parafraseando a Hilda Hilst, estamos novamente “livres para fracassar”. Ufa!

Posts relacionados

Mais posts:

« « Uma vela para os meus mortos| Frase de cinema — 24 » »




2 Comments

  1. Vin escreveu:

    Que nada!

    Prepare-se. Quem visitou este blog pela primeira vez, como eu, tasca-o logo no meus favoritos do firefox. É um vício lê-lo diariamente. E, agora, com um plus: os podcasts com Olavo de Carvalho.

    A luta continua…

    Inté
    🙂

    Comentário de 3-11-2006 @ 7:47 pm

  2. paulo escreveu:

    a 1and1 oference uns planos legais tambem.

    E o melhoeh que dah pra falar mal de todo mundo que neguinho nao pode te tirar do ar.. he he

    Comentário de 3-11-2006 @ 11:31 pm

Sorry, the comment form is closed at this time.




Add to Technorati Favorites



Blogarama - The Blog Directory








84 queries. 0.742 seconds. | Alguns direitos reservados.