20/05/2007

Mário Ferreira dos Santos – áudio

yuri vieira, 12:15 am
Filed under: Educação,Podcast e videos

As dicas que chegam por email! (P.R.? Quem é P.R.?) Essas gravações são preciosidades!! Obrigado a quem as publicou – viu, P.R.? – afinal, um filósofo como Mário Ferreira dos Santos não pode continuar escondido na gaveta de colecionadores ou no baú de herdeiros. (Na verdade, essas aulas não fazem senão ajudar a divulgar os livros.) O Brasil precisa desse cara. Chega de corrupção da inteligência, da alma. Tenho uns vinte livros do Mário Ferreira, dos quais li apenas três, mas já posso afirmar: é fenomenal. Para quem não o conhece, sugiro ao menos a audição da Aula 1 – primeira parte.

(Por algum motivo os arquivos estão fora de ordem, mas ao menos estão numerados. Sugiro ao responsável que também os publique no mesmo site em que disponho os podcasts do Olavo – Archive.org – pois lá não é necessária essa frescura de se cadastrar antes de fazer o download. Aliás, alguns deles não oferecem a alternativa de download, dê uma checada nisso, “P.R.”.)

Posts relacionados

Mais posts:

« « Que Roberto Carlos que nada!| O que move o movimento? » »




6 Comments

  1. daniel christino escreveu:

    Ouvi a primeira aula completa e achei muito interessante. Contudo, me impressionou, principalmente sobre a Filosofia Concreta, o fato de que boa parte do sistema de pensamento (ou pensamental) do Mario Ferreira dos Santos estar vinculado a uma antropologia. Assim como diz o Henrique Lima Vaz, o fundamento de um sistema como este parece se dar no “lumen naturale” humano. É onde sempre vão parar as verdades apodíticas – ou, evidentes por si mesmas, dispensando demonstração. Mas vale a pena aprofundar-se no pensamento do velhinho.

    Outra coisa. As aulas dele me lembram muito as aulas do Fernando Bastos (na forma e no humor). Fiquei com saudades do cara, ele anda meio doente.

    O modo fluente dele ministrar as aulas é realmente consequência dele ser um escritor muito prolixo (se não me engano, a obra completa dele tem uns 25 volumes). Como as gravações parecem mostrá-lo velhinho, ele engata um quinta nas fórumlas já colocadas no papel e manda brasa. Ponto para ele que organiza as aulas muito claramente. Pensa com clareza e escreve com clareza.

    Comentário de 20-5-2007 @ 1:19 am

  2. yuri vieira escreveu:

    Segundo um rápido levantamento que fiz em 2005, o Mário Ferreira escreveu mais de 57 obras diferentes, algumas delas em mais de um volume. Não sei se foram todas publicadas em vida.

    Nunca assisti a uma aula do Fernando Bastos lá na UnB, mas você sabe que fui namorado da filha mais velha dele (do seu primeiro casamento) e o encontrei algumas vezes. Aliás, estive no apartamento dele em duas ocasiões e pude apreciar a biblioteca do figura. (Ele adora o Hermann Hesse, aquele que o Bruno Tolentino, sacaneando nossas leituras de juventude, chama de “Paulo Coelho de intelectual”.) Enfim, sei que o Fernando é um figura bacana, sempre admirado pelos alunos. (Ganhei um livro escrito por ele, mas não sei se está aqui ou em SP.) Logo, infelizmente, não tenho dados concretos para dizer até onde pode ir essa semelhança com o Mário Ferreira. Talvez seja superficial, não sei. (Sim, o Fernando está doente e não é só “meio” doente não. Se vc estiver com saudades dele, entre em contato porque pode ser bom para ele.)

    Já a tal Filosofia Concreta não parece ser encarada pelo Mário Ferreira como um sistema. Assim que eu ler os três tomos que se referem a ela, terei mais segurança para tratar do assunto.
    {}’s

    Comentário de 22-5-2007 @ 7:49 pm

  3. daniel christino escreveu:

    Bom, acho o estilo parecido. Não vai aí nenhum juízo de competência filosófica ou profundidade de pensamento. E eu me lembro da fixação dele com o Eudoro, para ele “o maior filósofo brasileiro”, mas sei que o título anda disputado.

    Sim, sim, muito doente, eu sei. Gosto dele, emprestei-lhe uma vez minha tese de mestrado e um livro sobre a linguagem em Husserl. Gostei dos comentários, foram bem lúcidos. Entrarei em contato.

    Comentário de 22-5-2007 @ 11:35 pm

  4. Luiz Carlos escreveu:

    Para mim,Mário Ferreira dos Santos foi o maior filósofo que nós,brasileiro,tivemos.É lamentável a indiferença para com ele.É COMPREENSÍVEL graças a nossa ignorância,uma vez que,como ele,vamos esperar mais um século,pois esse é o tempo na gestão dos grandes homens.Quero ler todas as suas obras.Quem tiver algum material desse pensador,por favor,me envie.Ficarei muito grato.
    Luiz Carlos

    Comentário de 1-6-2007 @ 1:53 pm

  5. Railton escreveu:

    O Jaime Cuberos vivia falando o Mario Ferreira dos Santos, não sabia da existência dessas gravações. Parabens por essas publicações, finalmente teremos acesso a esse excelente material.

    Comentário de 24-6-2008 @ 4:04 pm

  6. Beneilto josé escreveu:

    Mario ferreira,é com certeza a maior mente filosófica que temos no nosso país.lamentável é que poucos ou pouquisimos o conheçam e estudem suas obras,sobretudo na academia,perde-se grandes momentos de reflexão.

    Comentário de 2-12-2008 @ 4:53 pm

Sorry, the comment form is closed at this time.




Add to Technorati Favorites



Blogarama - The Blog Directory








82 queries. 1.073 seconds. | Alguns direitos reservados.