Arquivo para a categoria "Cotidiano"




19/05/2006

ETA, MST e PCC

yuri vieira, 3:44 am
Filed under: Cotidiano,especulativas,Política

Do Alerta Total:

A onda de terror sobre São Paulo não foi concebida por presos rebelados. Confirma-se a tese de que a organização criminosa Primeiro Comando da Capital não foi mesmo a articuladora principal dos atos terroristas que amedrontaram e paralisaram São Paulo desde a madrugada de sexta-feira. A advogada criminal da ONG Nova Ordem, Iracema Vasciano, que visitou os líderes do PCC isolados no presídio de Presidente Bernardes, revelou que os detentos lhe indagaram por que haviam sido transferidos para a cadeia de segurança máxima, se o sistema carcerário estava calmo – segundo informações dos presos.

Os serviços de inteligência das Forças Armadas descobriram que a bem organizada ação de guerrilha urbana foi montada por “forças subterrâneas” treinadas e coordenadas por especialistas em terrorismo do grupo separatista basco ETA. O mesmo grupo, secretamente, vem dando treinamento de guerrilha, há dois anos, a membros do Movimento dos Sem Terra e à Via Campesina (que invadiu, em março, a Aracruz Celulose no Rio Grande do Sul). O objetivo de tais ações de terror é travar uma guerra psicológica para desmoralizar as autoridades de segurança e enfraquecer, politicamente, os governos estaduais, como teste para futuras ações revolucionárias.
(Continua…)

Google go home?!

yuri vieira, 2:19 am
Filed under: Cotidiano,internet,Política,sites

Bom, agora a culpa de haver imbecis e criminosos nesse país é da Google, que criou um sistema de relacionamentos gratuito – o Orkut – cujo bom funcionamento depende da liberdade e do bom senso dos usuários. E como também existem brasileiros que não conseguem se comportar – pedófilos, traficantes, etc. – o Estado brasileiro pretende pedir a “desconstituição da pessoa jurídica” da Google no Brasil. Que lindo! Daqui a pouco expulsam também o mecanismo de buscas – porque é possível usá-lo para encontrar coisas do mal (tipo sites contra o governo) – e iremos voltar mesmo não apenas à idade da pedra mental, mas à de fato. Ou quem sabe a algo mais, hummm… chinês.

Cada dia é mais forte a minha impressão de que chegaremos ao famoso “éramos felizes (ou pelo menos livres) e não sabíamos…”

A propósito: já imaginou que maravilha se o Estado brasileiro consegue quebrar o sigilo de todos os usuários do Gmail? Toda nossa correspondência devassada… que poético!

Um observador de farândolas

j. toledo, 1:32 am
Filed under: Cotidiano,especulativas
    “Embora vista como desgraçada insossa, a estupidez ainda grassa na paisagem”
    (lavra pessoal)

Impressionante! Embora habite um tronco oco no meio da floresta, nunca deixo de receber notícias frescas do que se passa no Orbe. Incrível! E, claro, isso tudo me leva a fazer a única coisa que os médicos ainda não proibiram, isto é: raciocinar. E como não fazê-lo vendo coisas tão exóticas existindo ao redor, hein?

Sucessivamente vejo coisas assim acontecer: em Lisboa, um gêmeo português tenta o suicídio e acaba matando o irmão por engano. Do outro lado do mundo, uma família inteira de — supostos idiotas — turcos anda de quatro o tempo todo enquanto que aqui, uma deputada erecta — e confirmadamente idiota — metida a saltatriz maluca, dança, comemorando a impunidade que rola solta.

Está aí o motivo para grandes lucubrações. No mesmo instante que pretendo iniciá-las, uma amiga cancela seu sagrado uisquezinho vespertino porque iria doar sangue no dia seguinte. Meu Deus! Todos enlouqueceram, menos o pequeno Toledo, é claro, que agora inicia o deambulatório filosófico das quintas lembrando-lhes que, bem antes dos ufanismos do astronauta brasileiro subir ao espaço, eu já estava com o saco na Lua.
(Continua…)

18/05/2006

O sumiço das meninas

pedro novaes, 8:33 pm
Filed under: colírio,este blog

Bom, parece que as meninas deste blog andam sumidas de novo. Então…

Aline Morais

A maravilhosa Aline Morais.

Infância paulistana ou O cano e a chupeta

pedro novaes, 8:26 pm
Filed under: Cotidiano,fotografia

O Cano e a Chupeta

By Diogo Padgurschi/Folha Imagem

Ainda sobre o terror em São Paulo

yuri vieira, 6:18 am
Filed under: Cotidiano,Política

Três textos que, caso se queira entender o que se passou em São Paulo, não podem deixar de ser lidos: Os autores do espetáculo, A eloqüência dos fatos e Não é a Bolívia, estúpido!. Sim, todos do Olavo.

E aos amigos que estão no exterior – Paola (Espanha), Sérvio (França), Rosa (Nova Zelândia), etc. – eis alguns videos tratando do caos que rolou na maior cidade da América do Sul (no primeiro aparece, por alguns segundos, o grande culpado por esse estado de coisas):


(Continua…)

17/05/2006

São Paulo sob ataque… do PT?

yuri vieira, 6:29 am
Filed under: Cotidiano,Política

Vou reproduzir esse texto publicado no blog A Casa do Zé Carlos porque é muito parecido com o que falei à minha irmã no domingo. Aliás, tem tudo a ver não apenas com minhas próprias paranóias, mas com o incrível arsenal de crimes que o PT tem sido capaz de cometer. Não duvido nada do que aí se diz.

O povo de São Paulo está em estado de choque. Desde a madrugada de sábado, o Estado está sob um ataque covarde de bandidos terroristas. Já se contam mais de setenta mortos, instalações públicas foram destruídas, agências bancárias foram incendiadas, uma estação de metrô foi metralhada e supermercados estão sob ameaça de ataque. Nesta hora de angústia, urge encontrar os culpados por essa tragédia social, que abate o mais próspero estado do País.

A quem interessa tanto sangue derramado, tanto medo e tanta angústia? Quem são os beneficiarios politicos de tão trágicos eventos? Não se pode negar que os últimos acontecimentos podem causar um sério abalo na campanha do principal candidato da Oposição, o ex-Governador de São Paulo, Geraldo Alckmin. Ora, muito já se foi denunciado sobre as ligações supostamente mantidas pelo Partido dos Trabalhadores com o crime organizado e narcotraficantes internacionais, denúncias que já alcançaram a tribuna da Câmara Federal, pela voz do Deputado brasiliense Alberto Fraga, e as colunas dos principais jornais, pelos escritos de Olavo de Carvalho. É preciso dizer que tais denúncias, ao contrario do que se poderia supor pela sua extrema gravidade, foram abafadas sem a devida investigação, que pudesse esclarecer os fatos.
(Continua…)

16/05/2006

Paranóia paulista

yuri vieira, 5:41 am
Filed under: Cotidiano

Apenas os muito insensíveis nunca perceberam que São Paulo vive à beira do caos. Já falei sobre isso em diversos textos. Aliás, nessa cidade, já fui assaltado três vezes (a primeira em 1985, a última em 2000), espancado uma (quebraram meu nariz no final de 2005), assisti a várias perseguições da polícia, vi crianças brincando com um corpo num terreno baldio do Campo Limpo, fui parado pela polícia e tratado como bandido em duas ocasiões, impedi através de diplomacia que um mano furasse o olho de um dos meus ex-sócios fotógrafos, tudo isso sem falar na minha imensa paranóia durante o Grande Apagão de 1999. Amo minha cidade natal, mas ela ya me tiene podrido. Deus queira que essa zorra do PCC não volte a se repetir. Também, quem mandou os presos comunistas, durante os anos 70, ensinarem táticas de guerrilha aos presos comuns? Até nisso essa patota que cerca o Lula tem culpa.

15/05/2006

O medo

rodrigo fiume, 11:01 pm
Filed under: Cotidiano,Política

Só pra constar, o que rolou em São Paulo nestes últimos dias foi algo inimaginável. Foi como uma mistura de terror, pânico, histeria, boataria, despreparo do Estado e domínio da criminalidade. Na verdade, o crime organizado bateu as forças de segurança de goleada.

12/05/2006

No supermercado

yuri vieira, 3:04 am
Filed under: Cotidiano,Humor,Podcast e videos

06/05/2006

Pimenta Neves

rodrigo fiume, 8:52 pm
Filed under: Cotidiano,Imprensa,Mídia

Caros, vocês acompanharam a cobertura do julgamento do Pimenta Neves? Gostaria de saber qual análise os Gargantas — com textos, não comentários neste post, por favor — e seus leitores fazem do comportamento da mídia sobre o caso. Afinal, podemos dizer que ele era um dos caras mais poderosos da imprensa na época do crime. E, please, é preciso dar nomes aos bois, isto é, citar o meio de comunicação. Abraços. R.

05/05/2006

Tangíveis episódios entre Sodoma & Gangorra

j. toledo, 3:45 pm
Filed under: Cotidiano,Política
    “A diferença entre calhistas e calhordas é que as primeiras estão meio fora de moda”
    (Lavra pessoal)

Difícil coexistir num mundo tão repleto de mediocridades exacerbadas, não? Pensando nisso e temendo ver meu trabalho adernar nas mãos de uma plêiade parasitária que se arroga ao fazer contemporâneo, ameaço-lhes com digressões e hidrofobias inócuas.

Portanto, o dia em que chamarem minha obra de “produto”, fecharei o estabelecimento e me mudarei para as ilhas Fiji. Sim, colaborarei com o Nada da História oferecendo-lhes o que sempre me pediram de mãos juntas e pé nas costas, ou seja: Rien…

E entre o vazio daqui e a pujante Suva daquele arquipélago, acreditem, nem hesitarei, apanharei meus livros, uísques e toneladas de charutos e lá me refugiarei, prometendo — é claro — me corresponder com o gentil leitor através de histórias meramente transmissíveis via Internet, assim como desejou fazer o teólogo erudito Raymond Lulli e só não o fez pelo simples ocaso tecnológico imposto-lhe por sua própria e lapidar história de vida que, aliás, levou-o à morte por lapidação.
(Continua…)

Malhando atores

yuri vieira, 3:52 am
Filed under: Cotidiano,especulativas,Mídia

Outro dia, zapeando, dei de cara com a Cláudia Ohana naquela novela Malhação. Já tinha visto a Lucélia Santos e o André de Biasi ali, o que me pareceu bem surreal para estes intérpretes de antigos personagens de sucesso. Algo me diz que esse programa é uma espécie de reciclagem – bem, reciclagem é um eufemismo para castigo, mas vá lá, ce entendeu – reciclagem para atores que ficaram muito tempo longe da Globo. É um castigo certamente bem remunerado, mas ficam lá, sendo malhados pelos egões dos atorzinhos novatos e, claro, daí o título da novela: Malhação. Dureza, hem.

Gostaria que desse certo

yuri vieira, 1:23 am
Filed under: Cotidiano,Política

Do blog do MOVCC:

O governo do presidente Lula, a classe política e o crime organizado – que corromperam e romperam com as instituições – vão experimentar a primeira de uma série de grandes marchas em que milhares de brasileiros, insatisfeitos com a realidade atual, sairão às ruas para protestar e cobrar transformações. “Fora, Ladrão! Chega de Mensalão! Brasil Acima de Tudo”.

Estes serão os slogans das mega-manifestações públicas, marcadas para o próximo dia 21 de maio, a partir das 15 horas, em cinco capitais do País: São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba, Belo Horizonte e Porto Alegre.O Dia da Dignidade Nacional é apartidário. Não tem conotação ideológica. (Leia mais.)

Mas já que é não-ideológico, talvez não dê. É preciso lutar no mínimo no mesmo campo de batalha que o inimigo. Claro, seria preferível atacar do alto, a partir dum plano acima da pura ideologia, mas isso, no Brasil rasteiro de hoje, está impossível.

04/05/2006

Essa doeu…

rodrigo fiume, 9:34 pm
Filed under: Cotidiano,tecnologia

Tô titulando agora um texto aqui na Folha que me deu uma certa dor no coração. Não sou lá grande aficionado por carros, até porque sou muito duro para investir muita grana nisso. Mas esta história doeu.

Está rolando aqui em Interlagos, em São Paulo, um evento em que as pessoas podem pagar para fazer um test-drive em máquinas que conhecem apenas em sonhos. Também há a possibilidade de pagar apenas por um passeio, ficando a direção do carro a cargo de um piloto indicado pelo proprietário. Mas não é que o tal piloto simplesmente destruiu a principal atração do evento?!

O cara perdeu o controle de uma Ferrari 360 Modena, que se chocou contra o muro da entrada dos boxes. O motor explodiu. Um detalhe inusitado é o precinho da máquina: R$ 830 mil.

03/05/2006

Pensando bem, o sol é para toldos

j. toledo, 5:41 pm
Filed under: Cotidiano,Política
    “A única diferença entre marafonas e políticos é que aquelas usam o que lhes pertence”
    (Lavra pessoal)

Apesar de não negociar coisa alguma neste tradicional espaço e vendo a barbárie ocorrida há pouco nas terras de Aracruz, lembro-me: quando Catarina — a Grande — subiu ao trono e finalmente substituiu os boiardos pelos boiolas, comentou-se na corte que era mais uma arrivista a espoliar a mãe Rússia. Portanto, com Pedro “morto”, restava agora examinar quem estava vivo e depois optar entre ser, respirar e decidir-se pelos melhores preços da temporada, com ou sem a intervenção marketeira e mercantilista de Grigori Potenkin, o chanceler caolho que iludia a imperatriz, narrando-lhe besteiras e enganando-a com promessas cenográficas enquanto camponeses famintos se dispunham a incendiar Moscou. (Continua…)



Page 20 of 36« First...10...192021...30...Last »

Add to Technorati Favorites



Blogarama - The Blog Directory








70 queries. 0.753 seconds. | Alguns direitos reservados.