Arquivo para March, 2005




26/03/2005

Células tronco

yuri vieira (SSi), 6:55 pm
Filed under: Ciência,Cotidiano

Taí um bom jeito de acabar com essa polêmica sobre embriões e células-tronco: células-tronco desenvolvidas a partir de narizes humanos

22/03/2005

Bruno Tolentino

yuri vieira (SSi), 3:46 pm
Filed under: escritores,livros

Eu não fazia a mínima idéia de quantas reminiscências – relativas às conversas com o Bruno lá na casa da Hilda – a leitura de “Meditações sobre os 22 Arcanos Maiores do Tarô” (autor anônimo) me traria. Tenha ou não consciência disso, o Bruno Tolentino é o perfeito exemplo de “hermetista cristão” do qual o livro faz a apologia.

Mais cibernética

yuri vieira (SSi), 3:35 pm
Filed under: Ciência,sites

Para quem ainda não saca bulufas de cibernética

16/03/2005

Mulher do padre

yuri vieira (SSi), 11:41 am
Filed under: escritores,sites

Pra mim, quem não lê as colunas semanais do Olavo de Carvalho é mulher do padre. E olha que, de fato, conheço alguns padres nem um pouco celibatários…

08/03/2005

HAARP

yuri vieira (SSi), 4:20 am
Filed under: Ciência,especulativas,tecnologia

Taí uma dessas teorias conspiratórias improváveis – mas possíveis – que dão o que pensar. Vc já ouviu falar da tecnologia HAARP?

05/03/2005

A beleza da ciência

yuri vieira (SSi), 4:57 pm
Filed under: Ciência

“Não podemos esquecer que quando o [elemento] rádio foi descoberto, ninguém sabia que ele seria útil em hospitais [para tratar câncer]. Era um trabalho de ciência pura, e isso é prova de que um trabalho científico não deve ser avaliado do ponto de vista de sua utilidade direta. Ele precisa ser feito por si só, pela beleza da ciência.”
Marie Curie (1867-1934), descobridora da radioatividade, duas vezes ganhadora do Nobel.
Fonte: Galileu #163

A morte

yuri vieira (SSi), 1:43 pm
Filed under: interiores,livros,Religião

“Sócrates: (…) se eu não acreditasse, primeiro, que vou para junto de outros deuses, sábios e bons, e, depois, para o lugar de homens falecidos muito melhores do que os daqui, cometeria uma grande erro por não me insurgir contra a morte. Porém podes fiar que espero juntar-me a homens de bem. Sobre esse ponto não me manifesto com muita segurança; mas no que entende com minha transferência para junto de deuses que são excelentes amos: se há o que eu defenda com convicção é precisamente isso. Esse motivo de não me revoltar a idéia da morte. Pelo contrário, tenho esperança de que alguma coisa há para os mortos, e, de acordo com antiga tradição, muito melhor para os bons do que para os maus.”
(Fédon, de Platão.)

Papai e mamãe

yuri vieira (SSi), 8:38 am
Filed under: plásticas,Umbigo

Não, não é a famosa posição. É o site do meu pai com os quadros da minha mãe…

Apologia de Sócrates

yuri vieira (SSi), 5:51 am
Filed under: interiores,livros

Outro texto do Platão que faz a gente passar mal de tanto que a gente se sente bem: A defesa de Sócrates. Nietzsche, ao tentar “fazer filosofia com o martelo”, foi completamente infeliz no que disse a respeito de Sócrates. Ele deu foi uma martelada na própria testa… (O fato de Nietzsche ter passado uns dez anos catatônico antes de morrer, mesmo ao piano, não me deixa mentir.)

03/03/2005

Górgias

yuri vieira (SSi), 6:16 am
Filed under: interiores,livros

Meu Deus, a leitura de Górgias, de Platão, faz a gente ter verdadeiros intelectorgasmos.




Add to Technorati Favorites



Blogarama - The Blog Directory








68 queries. 0.783 seconds. | Alguns direitos reservados.