O Garganta de Fogo

blog do escritor yuri vieira e convidados…

Joss Stone – “Son of a Preacher Man”

Oh, my God!!!

Anteriores

Carta a uma jovem suicida

Próximo

Metrô — 18

14 Comments

  1. Diogo

    Oh MY GOD (2)!

  2. filipe

    ei yuri,

    embora a joss stone seja bem gostosinha, eu sigo irremediavelmente indignado com todas as moças que gritam a música inteira na tentativa de mostrar sua “capacidade vozeril”.
    a primeira vez que ouvi son of a preacher man foi num cd da dionne warwick. uma coisa linda. e muito longe desse estilo “mariah carey-joss stone-wanessa camargo-e foda-se lá quem mais”. muito foda tb é a versão original da dusty springfield:

    http://www.youtube.com/watch?v=YtBwruLPhl4

    pra quem gosta de gritos, porém muito entoados e originais, segue a versão da aretha franklin:

    http://www.youtube.com/watch?v=g_9Alh4pbLg

    quanto a pergunta “quem vc comereria?”, isso é motivo de polêmica, haja visto o caso do fenômeno, travecos e cia…

  3. filipe

    ei yuri,

    embora a joss stone seja bem gostosinha, eu fico irremediavelmente indignado com essas moças que passam a música inteira gritando na tentativa de mostrar sua “capacidade vozeril”.

    a primeira vez que ouvi son of a preacher man foi num álbum da dionne warwick. coisa linda. muito foda tb é a versão original da dusty springsfield:

    http://www.youtube.com/watch?v=YtBwruLPhl4

    pra quem gosta de gritos, porém muito entoados e originais, segue a versão da aretha franklin:

    http://www.youtube.com/watch?v=g_9Alh4pbLg

  4. Son of a bitch, man!

  5. Diogo

    Tenho que concordar com o Filipe nessa coisa de moças que passam a música inteira gritando na tentativa de mostrar sua “capacidade vozeril”. É teoricamente patético!

    Mas objetivamente falando, com um vestidinho desses, esses gritinhos ganham aquela conotação sexual e o patético torna-se sexy.

    A única coisa detestável na Joss Stone são esses momentos Carlinhos Brown, de subir ao palco descalça…

  6. fiume

    Sempre gostei na versa da Aretha Franklin….

    Mas já que estão falando tb de “libido”, vcs já viram a versão “cachorra” da música?

    http://br.youtube.com/watch?v=VmopYFFIbvY&feature=related

  7. fiume

    Esta aqui é da mesma “escola” da Joss Stone, mas ela minimizou muito os “backing vocals”…

    http://br.youtube.com/watch?v=KvkfyYoLjho&feature=related

  8. fiume

    Tem muita gente louca mesmo nesse mundo:

    http://br.youtube.com/watch?v=kg62-mAY9wE

  9. fiume

    ahhhh, esta aqui é a que eu estava procurando.

    Tina Turner:

    http://br.youtube.com/watch?v=AfVM3p_6tQM

  10. filipe

    caralho,

    a tina bota quente demais.
    muito bom.

  11. Batam na boca 3 vezes antes de blasfemar!
    Joss Stone não são gritos, é musica!

  12. Renato

    Voz boa, meio exibicionista da linha das inglesas gritantes, mas a aparencia de puta involuntaria sobressai mais que tudo. Merecia uma revisao.

Os comentários estão desativados.

Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén