25/09/2006

Quando a Ecologia Chegou

pedro novaes, 6:31 pm
Filed under: Arte,cinema,meio ambiente

QEC

A relação entre áreas de proteção à natureza e comunidades locais em países do Terceiro Mundo é algo pra lá de complicado. Qualquer um que conheça nossos parques nacionais e tenha olhos de ver sabe disso. A proteção à natureza por aqui frequentemente tem como efeito colateral prejuízos aos modos de vida e à cultura de inúmeras comunidades locais. A ortodoxia conservacionista leva muitas vezes à geração ou ao aumento da pobreza, em função das restrições impostas a atividades econômicas de subsistência.

Mais recentemente, entretanto, novas formas de pensar a conservação em parceria com estas comunidades têm levado a resultados muito interessantes, tanto para as populações, quanto para a natureza. As reservas extrativistas, surgidas a partir do movimento dos seringueiros na Amazônia, são um modelo absolutamente inovador e brasileiro de conservar a natureza e melhorar a qualidade de vida das populações. Ao invés de tomar sua terra para que o Estado a conserve, faz-se o inverso: asseguram-se a estas populações os direitos sobre o território e elas, com o devido apoio, se encarregam de preservar.

Basta olhar um mapa do Brasil e os números para ver que terras indígenas e reservas extrativistas têm um papel fundamental na conservação. Num planejamento territorial bem definido, em conjunto com parques criados em áreas realmente desocupadas, são um componente extremamente importante para um desenvolvimento adequado.

É sobre essa tempestuosa relação, entre áreas de proteção à natureza e populações locais, que fala o documentário “Quando a Ecologia Chegou”, roteirizado e dirigido por este que vos escreve, com a valiosa colaboração também do Paulo e do Yuri, que assinam sua produção.

“Quando a Ecologia Chegou” acaba de ser selecionado para o 12º Festival de Cinema e Vídeo de Ambiente, em Seia, Portugal, e será lançado em Goiânia, na próxima quinta-feira, dia 28, às 19 horas, no Centro Municipal de Cultura Goiânia Ouro (Cine Ouro), à rua 3, esq. c/ Rua 9, Centro.

Para nosso leitores de outras partes, muita calma. Em breve, acontecerão lançamentos também em Brasília, Alto Paraíso (GO), Guaraqueçaba (PR), Curitiba e São Paulo.
Quando a Ecologia Chegou

Posts relacionados

Mais posts:

« « Moro num país tropical| Censura no Orkut » »




2 Comments

  1. O Garganta de Fogo » Mais sobre o debate à presidência escreveu:

    […] segundo turno. Quem assistiu ao debate só vota no Lula se for um doente moral! Envie por email | Imprima Mais posts:« « Lula e odebate| […]

    Pingback de 29-9-2006 @ 12:45 am

  2. O Garganta de Fogo » Também quero ser quilombola! escreveu:

    […] sobre o tema da relação entre populações locais e conservação da natureza. Meu documentário “Quando a Ecologia Chegou” trata do tema. Mas isso é outra discussão. Esta história dos quilombos, como coloca o Fábio, seria […]

    Pingback de 2-1-2008 @ 5:58 pm

Sorry, the comment form is closed at this time.




Add to Technorati Favorites



Blogarama - The Blog Directory








85 queries. 0.686 seconds. | Alguns direitos reservados.