O Garganta de Fogo

blog do escritor yuri vieira e convidados…

ESPELHO, um curta-metragem

Não havia divulgado este vídeo aqui porque ainda quero fazer alguns retoques no áudio, mas, vá lá, já que está no You Tube, por que não colocá-lo n’O Garganta também?

(Bom, sugiro a leitura prévia do texto que incluí na página do You Tube referente ao próprio. Nele você entenderá por que o “efeito espelho” se anula na Internet, além de outros detalhes, incluindo a ficha técnica, participação em festivais, etc.)

Boa sessão.

Anteriores

Você empurraria o gordo?

Próximo

Feriado

3 Comments

  1. filipe

    eu tinha certeza q o cara mais escroto do cinema era o beto (sandro torres, hilário):

    “calma, dani! eu sou magro mas eu sou capoeirista…”

    depois da segunda vez assistindo, tive outra certeza: a expressão q o paulo faz ao deixar escapar q é prof. de estética é digna de “agustinho” (a grande família). quero dizer, quando o beto aponta o dedo pra ele e grita “AHA! TÁ EXPLICADO!”, o prof. assume uma posição de auto-flagelamento, de martírio:
    MERDA! ME DESCOBRIRAM…TÔ FUDIDO (ou algo parecido)
    essa foi a minha impressão. desculpem-me se não tem sentido algum.
    parabéns paulo. cômico!

    a escolha de um velhote desdentado, aparentemente semi-analfabeto, pro papel de um fã do cinema nacional é…digamos…intrigante.

    yuri, esse curta já foi exibido em recife?

  2. Olá Filipe
    Não, o curta ainda não foi exibido em Recife. Na verdade, tenho andado displicente com as inscrições em Festivais. Mas darei um jeito nisso.

    Quanto ao fã de cinema nacional, hehehe. Não estava programado no roteiro. Foi uma saída que encontrei na hora para me livrar de um possível probleminha… Depois eu explico. 🙂

    Que bom que vc curtiu o filme.
    Abração!

  3. Paulo Paiva

    Obrigado Filipe!

Os comentários estão desativados.

Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén